O site do Wickred está passando temporariamente por uma leve manutenção. Você poderá, eventualmente, não encontrar alguma informação ou se deparar com alguns botões não funcionando corretamente durante esse período. Pedimos desculpas e agradecemos desde já a compreensão e paciência de nossos leitores.

— Equipe Wickred.

Você conhece os Híbridos de Hogwarts?

domingo, setembro 13, 2015 A+ a-


Às vezes na seleção, nem tudo fica explicitamente claro. Por isso, apresentamos à vocês os chamados Híbridos de Hogwarts.

Quando uma fã de Harry Potter procurou angustiada J.K. Rowling no Twitter a respeito de uma crise com o Chapéu Seletor, a autora respondeu confirmando que os Híbridos de Hogwarts são reais, dando-nos uma breve noção do quão pouco sabemos sobre o mundo mágico, realmente.

A usuária Dominika tuitou à J.K. Rowling questionando o seguinte: Há alguns anos ela foi selecionada para a Sonserina no Pottermore, mas após refazer o teste recentemente, foi colocada na Lufa-Lufa.

Afinal, à qual casa ela pertence?
J.K. Rowling respondeu que ela era uma “Slytherpuff”, uma combinação de duas das quatro casas de Hogwarts. Em outras palavras, um Híbrido de Hogwarts. Jo ainda mencionou que ela era “incrivelmente rara ”, e a parabenizou pelo título:


Agora, o conhecimento de J.K. Rowling a respeito dos Híbridos muda tudo. Ela mencionou de forma espontânea e específica a existência da designação “Slytherpuff” — Dominika sequer chegou a perguntar se ela era uma “Slytherpuff”.

Em Harry Potter vimos personagens que possuem fortes características de mais de uma casa. Hermione e McGonagall, por exemplo, além de possuírem imensa bravura eram também incrivelmente inteligentes. Embora tenham sido colocadas na Grifinória, elas poderiam facilmente ter pertencido à Corvinal.

Há também aqueles estudantes que, de alguma forma, parecem ter sido colocados por engano em determinada casa pelo simples fato de suas características mais fortes irem contra os valores da Casa. Gilderoy Lockhart era da Corvinal, embora seja claro que sua inteligência (pelo menos nos livros) não era seu traço mais forte, e Pedro Pettigrew pertenceu à Grifinória, apesar de sua enorme covardia.

De fato, existe um termo para estes estudantes cujo Chapéu Seletor encontra dificuldades durante a Seleção: os Hatstall. Os Hatstalls ocorrem quando o Chapéu Seletor leva mais de cinco minutos para colocar um aluno em uma das quatro casas, ele sente que alguns traços na personalidade da pessoa cabem igualmente à mais de uma.

Os mais notáveis Hatstalls incluem McGonagall, Pettigrew, e alguns outros quase-Hatstalls como Hermione, Neville e o próprio Harry. Inclusive, o Pottermore possui um resultado para casos similares aos Hatstalls, onde aqueles usuários que não são facilmente alojados em uma casa após o realizarem o Teste do Chapéu ganham a opção de escolher uma dentre duas, três ou até mesmo as quatro casas, para que o teste seja finalmente concluído.

Contudo, Rowling nunca sugeriu que uma pessoa poderia pertencer à duas casas simultaneamente… até agora.

Pessoas não são ‘preto no branco’, portanto mesmo que você seja um Grifinório, Lufano, Corvinal ou Sonserino “de verdade”, existe a probabilidade de você possuir fortes características valorizadas pelas outra casas.

Pesquisei a fundo sobre isso e descobri no Tumblr. informações que podem nos ajudar a saber se pertencemos realmente a uma só casa, ou se nossas características podem ser tão mistas e complexas a ponto de nos definirmos como Híbridos. Por isso, antes de você começar a ler as nomenclaturas abaixo, gostaria de ressaltar alguns fatores:

  1. Apenas a designação Slytherpuff pode ser considerada ‘oficial’, devido ao tweet da própria autora ter mencionado explicitamente este nome;
  2. As definições abaixo não são oficiais. Partimos do princípio de que Híbridos existem de verdade e combinamos características das quatro casas para chegar à uma conclusão plausível das definições das personalidades possíveis;
  3. A ordem que os nomes das Casas aparecem não interferem na definição;
  4. Recomendo que você, se possível, crie uma outra conta no Pottermore, para chegar a uma ‘conclusão oficial pessoal’. 
  5. Você não é obrigado a se encaixar em nenhuma designação listada abaixo. Elas servem especialmente para aqueles que sentem um conflito entre a decisão do Chapéu Seletor e a própria decisão. Portanto, e este artigo serve apenas para orientá-los e ajudá-los a entender melhor suas próprias personalidades, segundo as Casas de Hogwarts, por assim dizer.   

Vamos às nomenclaturas Híbridas. 

Gryffinpuff
(Grifinória + Lufa-Lufa)

Gryffinpuffs poderiam ser chamados de "coração de ouro", já que sempre buscam pelo bem de todos, individualmente falando. São pessoas muito emocionais, chegando às vezes a não saber o que fazer com eles próprios, alcançando extremos e uma necessidade de chorar ou simplesmente gritar. Isso é por causa do lado Grifinória que quer extravasar as emoções, ainda que o lado Lufa-Lufa se preocupe com o que os outros pensarão a respeito disso. Gryffinpuffs são muito alegres e otimistas, sempre dispostos a ajudar e fazem amigos facilmente. Adoram conversar por horas e qualquer comentário negativo a seu respeito pode magoá-los profundamente, e o lado Lufa-Lufa tenciona forçá-los a relevar a mágoa, então podem ficar carrancudos de vez em quando. Gryffinpuffs são espaçosos e atentos a detalhes. Seu aprendizado visual e auditivo são aguçados, mas podem demorar a entender as informações, por mais rápido que as captem. Isso não significa que são menos inteligentes. São pacientes e aprendem no seu próprio tempo.

São leais à família, aos amigos e aos próprios valores. Não perdoam fácil uma traição. Podem ser teimosos, tendo em vista o lado Grifinória. A presença de um aluno dessa mistura é quase sempre impossível de ser ignorada, eles costumam iluminar a sala com sua energia e compaixão. Podem ser competitivos, mas não de forma obsessiva. Apaixonam-se com facilidade e intensamente, o que pode torná-los dependente de outras pessoas. Possessivos, sim, um pouco ciumentos. Eu diria que isso é uma maneira de mostrarem que se importam.


Slytherpuff
(Sonserina + Lufa-Lufa)

Slytherpuffs são uma mistura esquisita e formam uma pessoa definitivamente indecisa. São ambiciosos, mas distraídos, e a timidez que vem da Lufa-Lufa pode muitas vezes desvirtuá-los de seus reais objetivos. Às vezes sentem como se odiassem todo mundo, embora não estejam certos do que sentem, e justamente por viverem em cima do muro (socialmente falando), é bastante comum que não se julguem boas pessoas. Irritam-se facilmente com eles próprios pelo que dizem e pelo que acabam não dizendo; vivem mordendo a língua, já que o lado Sonserina é sincero do jeito nocivo e o Lufa-Lufa se preocupa com a reação dos outros diante de verdades jogadas na cara (se eles falam, se arrependem, se não falam, ficam se remoendo). São pessoas caladas, mas quando decidem se manifestar, é por uma boa causa - não desperdiçam palavras. Evitam conflitos o máximo que podem. Quando não há saída, prepare-se: Eles têm a língua afiadíssima. Se falam pra ofender, fazem isso com perfeição. E normalmente não se dão conta do quão agressivos seus comentários podem ser.

Ambição e dedicação juntam-se nessa mistura, portanto, não hesitam em correr atrás de suas metas. Seu número de amigos é mais limitado pelo lado Sonserina, que não socializa com tanta facilidade. Isso tem seu aspecto positivo, já que eles acabariam tomando medidas drásticas em desentendimentos com pessoas "não compatíveis". Uma personalidade tão única como a dessa mistura exige esse caráter seletivo e exigente. Valorizam muito a reciprocidade num relacionamento. Não os deixe de mãos vazias se eles por um acaso lhe fizerem um favor. O lado Lufa-Lufa faz por ser naturalmente bom, mas o lado Sonserina quer algo em troca.


Ravenpuff
(Corvinal + Lufa-Lufa)

Ravenpuffs são pessoas contraditórias. Uma hora, acreditam que está tudo certo e que tomaram a decisão correta, e na outra, sentem-se péssimos e as últimas criaturas. Fazem isso com as pessoas também, acreditando que todos são amigos até o lado Corvinal mandar desconfiar de algumas pessoas e observá-las com olhos de águia, atentos a qualquer movimento que vá desagradá-los. São um pouco tímidos, mas se você puxar conversa, serão simpáticos. Não pense que eles estão jogando conversa fora, prestarão atenção em cada palavra sua e até mesmo no seu tom de voz. Ambas as casas são dedicadas, embora o lado Lufa-Lufa seja mais aberto (e barulhento), por isso eles têm picos de dedicação aos estudos e logo sentem-se desestimulados. É um ciclo. Inconstância faz parte da personalidade dessa mistura.

São muito, muito criativos. Seu olhar é quase sempre distante, vivem viajando na maionese. O lado Lufa-Lufa é sonhador, o lado Corvinal é racional. Então a cabeça dessa mistura é uma desorganização total. Quando estão prestes a alcançar uma conclusão, puf, já estão pensando na Terra do Nunca. Por isso, acredito que sejam pessoas tolerantes - no geral. São reservados. Se expressam muito bem. Procuram constantemente por um objetivo em suas vidas.


Slytherclaw
(Sonserina + Corvinal)

Slytherclaws são pessoas perigosas, observadoras e astutas. São inteligentes e sábios, o que é uma combinação venenosa para alguém que possui grandes planos e ambições. Esses são os manipuladores e aqueles que sabem se safar quando alguma coisa dá errado. Ah, antes que eu esqueça: Eles sempre conseguem o que querem. Sem exceções. Não estou dizendo que são más pessoas (apesar de que eu ficaria longe), só que estão sempre a um passo à frente. Jamais atrás, porque não se permitiriam isso. Não procuram conflitos, mas se por acaso se envolverem em um... Não queira ser o alvo. Eles vão acabar com você tão rápido que você nem terá tempo de entender o que aconteceu. Aproveitam-se desse intelecto para esbanjar de tudo que a vida os proporciona. Não se meta no caminho deles, porque será tirado à força. São hostis quando provocados e podem, infelizmente, agir com bastante arrogância. Se não sempre, apenas no primeiro contato. Eu não dispensaria um aliado Slytherclaw.

Não é fácil saber o que estão pensando ou sentindo, são pessoas sérias e inexpressivas. Possuem um bloqueio enorme quanto à interação social. Tímidos, quietos, desinteressados. Se gostam de você, certamente irão mostrar, não de forma melosa, já que eles são pessoas fechadas. Quando se apegam, o negócio é sério. Sinta-se lisonjeado se for considerado amigo.


Gryffinclaw
(Grifinória + Corvinal)

Gryffinclaws têm a capacidade mental para serem heróis, de certa forma. São inteligentes, corajosos e prontos para fazer o que bem entenderem. Infelizmente, as emoções do lado Grifinória podem falar mais alto que a racionalidade do lado Corvinal, por isso não lidam tão bem com conflitos, parecendo muitas vezes desnorteados. Querem acreditar que todas as pessoas têm sua bondade, por mais que o lado cínico da Corvinal constantemente negue a bondade alheia. Essa mistura é um conflito interno constante. Se demoram para entender as coisas, irritam-se profundamente. Essa falta de paciência é o lado Grifinória. Sorte a do Gryffinclaw que encontrar o equilíbrio entre a fome de conhecimento e a constante inquietação Grifinória por falta de conflito. (... Uma mesa cheia de livros não dá a adrenalina que um leão precisa.)

Fazem o que precisa ser feito sem procrastinar. Normalmente adoram conflitos verbais, como debates e discussões intelectuais. Mas como o sangue deles ferve sempre que são contrariados, eles serão os primeiros a fincar pé e gritar. E só vão se acalmar se você souber argumentar muito bem, já que confiam cegamente nos próprios princípios e conhecimentos. São focados... Em si próprios. Não significa que sejam menos amigáveis, só é difícil de conquistá-los. Irritam-se facilmente quando reprovam o comportamento alheio. (Algo como: Odeio essas pessoas e nasci no planeta errado.)


Slythendor
(Sonserina + Grifinória)

Slythendors são uma contradição ambulante, quase uma competição entre o lado "anjo" e o lado "demônio". O que eles querem é agir adequadamente, mas ao mesmo tempo podem se tornar extremamente egoístas e isso pode impedir que vejam o que as pessoas ao redor precisam. Acreditam sim, na capacidade das pessoas de serem boas; mas não se importam. A combinação entre coragem e ambição os eleva aos céus. São pessoas sem limites, literalmente. E encaram extremos para alcançar o que almejam. Possuem um instinto de liderança fortíssimo justamente por serem controladores. São pessoas com caminhos e metas pré-traçados e detestam desviar de seu caminho. Se você for um obstáculo, esteja pronto para ser chutado. Eles realmente acreditam que são os donos do jogo, a última bolacha do pacote, e tudo isso. Buscam por amizades mais para criar alianças do que companheiros.

O lado Grifinória não tem inibições e o lado Sonserina faz o que bem entende. Então são tagarelas por natureza. Saem falando tudo, filtro nulo. Raramente são equilibrados, tendo opiniões meio extremas. São pessoas que vivem intensamente, digamos assim. Não sentem medo, arriscam tudo.



Que curiosa combinação você seria? Se já sabe, conta pra gente aqui nos comentários. ;-)

Tradução e revisão:  Bruna Olivieri & Brunno Maia

Graduado em design gráfico, membro das casas de Lufa-Lufa e Pássaro-Trovão, treinador Pokémon.

Twitter | Instagram  – victor@wickred.com.br